Sobre nós

WhatsApp Image 2021-12-09 at 17.15.12.jpeg
  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo
  • YouTube - círculo cinza

Conheça a nossa história

A Associação Beneficente Thereza Perlatti de Jaú (ABTP), é um dos equipamentos de saúde mental que compõem a rede de atenção ao portador de transtornos mentais, referência para o Departamento Regional de Saúde de Bauru – DRS VI, em 68 municípios, totalizando aproximadamente 1.600.000 habitantes em sua abrangência de gestão no atendimento SUS.

 

Atualmente, com 380 leitos, a ABTP é reconhecida como modelo de atendimento em psiquiatria pela Secretaria de Estado da Saúde, devido às suas inovações, abordagens técnicas e implementação de Programas como Hospital Dia, Centro de Apoio Neurológico e Lar Abrigado.

 

O atual Projeto Terapêutico Institucional tem como objetivos gerais:

- Remissão de sintomatologia;

- Adequação medicamentosa;

- Desintoxicação;

- Conscientização da doença e motivação para o tratamento aos dependentes químicos;

- Orientação e conscientização da necessidade de tratamento, tanto para pacientes, quanto para os familiares;

- Reabilitação psicossocial.

 

Os pacientes permanecem o tempo mínimo necessário em regime de internação, sendo que cada um possui seu Projeto Terapêutico Individual (PTI), através do qual são elaboradas suas propostas de atendimentos, atividades e objetivos terapêuticos. Os atendimentos são divididos em: individuais, grupais, terapia ocupacional, esporte, lazer, socialização, dentre outros, conforme for acordo entre Equipe e paciente. Ao mesmo tempo, trabalha-se juntamente à família, uma vez que isto representa extrema importância para o processo do tratamento. Dessa forma, busca-se manter ou resgatar o vínculo sociofamiliar através de visitas diárias e acesso a meios de comunicação.

 

Dentro da ABTP existem pacientes moradores. Aqueles que possuem autonomia residem nos Lares Abrigados, que são apartamentos individuais e salas de convívio coletivo na estrutura da ABTP, com acesso à rua. Outros pacientes com maior grau de comprometimento permanecem em unidade específica e possuem projetos direcionados para suas necessidades.

 

As Unidades de Atendimento são divididas conforme a patologia e algumas por sexo. A saber:

- Unidade de Atenção à Crise Feminina – UAC I – 30 leitos para quadros graves e psicóticos;

As Unidades de Atendimento são divididas conforme a patologia e algumas por sexo. A saber:

- Unidade de Atenção à Crise Feminina – UAC I – 20 leitos para quadros graves e psicóticos;

- Unidade de Atenção à Crise Feminina – UAC II – 21 leitos para quadros leves, depressões e dependência química;

- Unidade de Atenção à Crise Masculina – UAC I e II – 51 leitos para quadros psicóticos e outros transtornos mentais graves;

- Unidade de Atenção ao Dependente Químico Masculino – 66 leitos para dependentes químicos;

- Unidade de Atenção ao Morador – misto – 32 leitos para pacientes de longa permanência com quadros graves;

- Programa de Lar Abrigado – misto – 20 pacientes com autonomia e independência nas atividades do cotidiano;

- Clínica de Repouso Reviver – particular - 20 leitos psiquiátricos e 40 leitos geriátricos;

- Neurologia – 40 leitos para pacientes com complicações neurológicas;

 

O Hospital Dia possui 70 leitos com área física independente, projeto terapêutico e equipe específica, sendo 60 destinados ao SUS e 10 leitos particulares.

O Centro de Apoio Neurológico possui 80 leitos para pacientes com comprometimentos neurológicos, com equipe, área e projetos independentes.

 

As metodologias utilizadas nos atendimentos são a psicodinâmica e medicamentosa, com atendimento multidisciplinar composto por profissionais da medicina (clínica geral), psiquiatria, neurologia, enfermaria, psicologia, terapia ocupacional, nutrição, fisioterapia, do serviço social, somados aos demais prestadores de serviço de apoio, em consonância à Portaria Ministerial GM/MS 251 de 31/01/02 e à Portaria 2048 de setembro de 2009, as quais estabelecem normas e diretrizes de funcionamento para os hospitais psiquiátricos.

 

A Instituição tem como missão, visão e valores:

MISSÃO: Atendimento multidisciplinar às pessoas com transtornos mentais, visando o restabelecimento psíquico, o bem estar geral e a garantia de seus direitos.

VISÃO: Representar excelência no atendimento psiquiátrico, buscando aprimoramento e inovação incessantemente.

VALORES: Ética, honestidade, transparência, competência e respeito